domingo, 6 de dezembro de 2009

Colar de fuxico branco e preto


repara no preto e no branco
como se a sinfonia dos acasos
não fosse mais que a simetria dos ocasos, trecho da poesia de Vieira Calado, Poema às Cores, bom domingo.

3 comentários:

  1. Boa tarde,

    Antes de mais nada gostaria de agradecer pela sua visitinha e pelo seu comentário..
    Esse colar está lindo demais..
    Obrigada por dividir os seus trabalhinhos..

    www.arteseriscos.com

    ResponderExcluir
  2. OLÁ SIDNEY!
    VIM CONHECER SEU BLOG.
    MUITO LINDO,JÁ ESTOU TE SEGUINDO.
    VENHA ME VISITAR E ME SEGUIR TAMBÉM,VOU GOSTAR MUITO DE TER SUA AMIZADE!!!

    BEIJOS
    MÁRCIA:hervadolce.blogspot.com

    ResponderExcluir
  3. Oi Sidney.
    Belíssimo colar.Adorei.
    Natal...
    É o mês de confraternização Agradecimento pela vida
    Bênçãos ao filho de DEUS
    União, amor, reflexão!
    O melhor presente
    è a alegria do teu sorriso
    O poder do teu amor
    A sinceridade do teu carinho
    Enfim a tua amizade.
    bjtos.Nile.

    ResponderExcluir

Olá, seu comentário é sempre muito bem vindo
beijos.